Perda Auditiva | Telesom Aparelhos Auditivos em Porto Alegre e Cascavel

Perda Auditiva

teste da orelhinha
Teste da Orelhinha e Perda Auditiva Precoce
15 dezembro, 2016
Aparelho Auditivo Intracanal
Cuidados com Aparelho Auditivo Interno
27 dezembro, 2016

Perda Auditiva

Perda Auditiva

A deficiência auditiva pode ser definida como a perda de audição ou diminuição na capacidade de escutar sons. Qualquer problema que ocorra em alguma das partes do canal auditivo pode levar a uma deficiência auditiva. A perda auditiva é classificada por graus, sendo de leve, moderada, moderadamente severa, severa e profunda.

São vários fatores que podem causar perda auditiva, sendo alguns deles genéticos, infecções nos ouvidos e/ou exposição frequente a barulho muito alto podem causar deficiência auditiva.

As queixas mais comuns de quem sofre com a perda de audição:

  • Dificuldade em ouvir e compreender conversas
  • Dificuldade em conversar por telefone
  • Ter que ouvir música ou TV em um volume mais elevado do que outras pessoas
  • Dificuldade colocando a direção do som que se aproxima.

A audição é o primeiro sentido sensorial a se desenvolver e é também quase sempre o último a desaparecer. Com o avanço da tecnologia o estilo de vida da população modificou- se bastante colocando até a saúde auditiva em risco.

Os exames auditivos devem ser feitos como qualquer exame de rotina, pois é através deles que é possível detectar e tratar problemas na audição.

Graus de Perda Auditiva

Leve: Este tipo de perda auditiva significa dificuldade em compreender a fala sussurrada. Sons fracos são difíceis de escutar. Entender os sons da fala é difícil em um ambiente ruidoso.

Moderada: Uma conversa normal torna-se difícil para essas pessoas a seguir.

Moderadamente severo: Conversas têm que ser conduzidas em voz alta. Conversas em grupo só são possíveis com considerável esforço.

Severa: Pessoas com este tipo de perda auditiva tem muita dificuldade em ouvir o toque do telefone, compreender a fala,

Profundo: não ouvem sons considerados muito altos como uma máquina de cortar grama, um caminhão, a turbina de um avião. Alguns sons extremamente altos são audíveis, mas a comunicação sem o aparelho auditivo é bem difícil.

A maioria das pessoas não tem o costume de fazer exames auditivos. Com isso, as perdas auditivas são detectadas tardiamente. É por isso que nós, os especialistas, recomendamos pelo menos uma audiometria anualmente. Portanto, faça o exame periodicamente e procure ajuda de um fonoaudiólogo.

 

Cilque aqui e agende uma avaliação para descobrir qual aparelho auditivo é indicado para você.



Luciane Garcia
A Luciane é fonoaudióloga, formada pelo Centro Universitário Assis Gurgacz, ela é especialista em aparelhos auditivos. A Luciane trabalha na Telesom Cascavel e faz atendimentos nas revendas da região também. Além dos atendimentos, ela responde as dúvidas dos clientes no site.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *